Bolsinhas, Sacos, Estojos e Organizadores com 20% off! Até 23/06. Use o cupom amo20

O que fazer para desenvolver a criatividade das crianças?

Ainda bem que o mundo das crianças não é como o dos adultos. Enquanto nós somos divididos em pessoas criativas ou não, toda a criança tem seu potencial criativo para ser estimulado e desenvolvido, e junto com ele o aspecto emocional, social, psicomotor, cognitivo, da linguagem e comunicação.

Colocando todos estes termos em uma linguagem materna, estimular a criatividade das crianças é uma das formas mais efetivas de turbinar seu aprendizado e desenvolvimento.

Separamos algumas maneiras e dicas para estimular o lado criativo das crianças que focam no desenvolvimento dos diversos tipos de inteligência que cada uma pode ter. Então arraste os móveis e cubra as paredes, é hora de brincar!

Permita que as crianças experimentem sem opiniões influenciadoras

Crianças não conhecem a censura nem os limites até que sejam apresentados a eles. Por isso, permita que elas expressem seus sentimentos e tenham vivências baseadas em suas perspectivas e não nas opiniões já formadas dos adultos.

Se não houver risco à integridade da criança, permita que ela faça coisas “estranhas” e tirem suas próprias conclusões a respeito daquilo, afinal de contas, passear no parque vestido de pijamas e botas não é nada de outro mundo!

Valorize os “porquês”

Questionar é uma forma de pedir conhecimento, mas oferecer sempre as respostas prontas não desenvolve o lado investigativo da criança.

Seja com as crianças menores ou até mesmo aquelas que já se aproximam da pré-adolescência, estimule o raciocínio fazendo com que eles suponham as respostas.

Elogie a criatividade das crianças

O processo de aprendizado e de criação é muito estimulante e toda criança gosta de mostrar seus conhecimentos recém-adquiridos e receber elogios incentivadores.

Sempre que isso acontecer, é necessário exaltar a ideia e a execução com elogios e comentários positivos, mas nunca com recompensas. Elas podem atrapalhar o processo criativo e condicionar a criança, que mudará a concentração e o foco da atividade para a recompensa que vai adquirir.

Estimule a invenção de brinquedos e brincadeiras

Crianças se divertem com as caixas dos presentes porque elas podem representar diversos papeis e funções nas brincadeiras de faz-de-conta. Suas texturas e cores também chamam atenção e aguçam a curiosidade dos pequenos.

A filosofia Montessori explora muito este universo da criação através da elaboração de caixas sensoriais, que apresentam cores, texturas e sons para os bebês, mas também criam cenários para as crianças maiores, como uma pequena fazenda de bichos ou uma maquete de sala de aula.

Explore esta tendência oferecendo tutoriais fáceis ou participando de oficinas de brinquedos com objetos recicláveis. A presença da mãe na brincadeira intensifica a importância na visão das crianças.

Use livros e histórias para estimular a criatividade

Ler livros é uma forma de expandir o vocabulário das crianças e também o imaginário delas. Durante a leitura a mente processa a informação através de imagens e cenas, que já é um excelente exercício criativo.

Mas aproveitar histórias e propor mudanças nos enredos também aguça a criatividade. Isso pode ser feito até mesmo para falar de alguma situação que ocorreu ou que pode ocorrer na vida real, como começar a frequentar a escola ou a chegada do irmãozinho.

Mude sempre os estímulos oferecidos

A criatividade tem vários caminhos na mente das crianças, por isso variar os estímulos é muito importante para ativar todas estas vias.

Trocar brinquedos e livros entre colegas é uma forma super prática e construtiva para variar os estímulos e muitas escolas exploram este momento.

O “dia da troca de brinquedos” normalmente é feito na sexta-feira, aonde os colegas podem levar o brinquedo do amigo para o final de semana e devolvê-lo na segunda-feira. Devidamente higienizados e identificados com etiquetas, os brinquedos só não devem ser caros e não possuírem peças pequenas.  

Além de praticar a divisão da posse de algum brinquedo, o cuidado com o brinquedo do colega, também permite que a criança use um brinquedo com uma proposta pedagógica diferente do seu.

Estimular a criatividade das crianças é um esforço contínuo, mas precisa ser feito de forma espontânea e sem cobranças. Além disso, algumas vezes será necessário supervisionar a brincadeira para que a casa não vire de ponta à cabeça, não é mesmo? Se gostou destas dicas, compartilhe nas redes sociais!

One response to “O que fazer para desenvolver a criatividade das crianças?

  1. Desde a pandemia, o que fazemos é visitar lojas on-line e procurar o que ela gosta. Uma das atividades que me ajudou a incentivar a criatividade de minha filha é deixá-la escolher suas roupas. Isso a deixou muito feliz.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading