was successfully added to your cart.

5 dicas de como escolher a creche ideal para as crianças

A vida anda bastante corrida, e, infelizmente, muitos pais já não podem ficar em casa cuidando dos pequenos, pois precisam garantir o sustento da família. Neste momento surge a necessidade de procurar uma boa creche.  Nesse locais, seus filhos estarão em segurança, na companhia de outras crianças de sua idade, com as quais pode brincar e também aprender.

Porém, saber como escolher a creche ideal demanda alguns cuidados e esforços. Para facilitar sua escolha, vamos fornecer várias dicas importantes neste post! Abaixo, você pode acompanhar uma lista dos fatores mais significativos na hora de escolher uma creche pro seu filho. Vem com a gente!

Pense na distância

Quanto mais perto, melhor. Pense nas horas que você vai precisar gastar parado no trânsito se a creche for muito distante e, principalmente, se o seu local de trabalho ficar justamente no lado oposto da cidade. Você vai precisar sair bem mais cedo de casa para deixar o seu filho lá. Além disso, se for necessário buscá-lo antes do horário por algum motivo, uma creche mais perto de casa vai ser muito melhor para todo mundo.

Atente-se aos detalhes

Lembre-se de que, na hora da visita, você deve avaliar não só o ambiente, mas alguns outros detalhes, como por exemplo: se a creche dispõe de uma pedagoga, se a refeição e lanche são balanceados e como a comida é manipulada. Saber esses pontos é muito importante, pois eles têm envolvimento direto com o desenvolvimento físico e intelectual das crianças.

Considere o número de crianças por sala

É necessário que exista um número adequado de crianças por sala, criando um ambiente que incentive a diversidade e a interação mas que não seja sobrecarregado, para que todas as crianças recebam a atenção necessária. Para isso, é preciso que haja também uma quantidade apropriada de adultos trabalhando na mesma sala, para conseguir dar conta de um determinado número de crianças. Esse número varia de acordo com a idade:

  • Menos de 12 meses: no máximo 8 por sala;

  • Entre 1 e 2 anos: no máximo 20 por sala;

  • Entre 3 e 6 anos: no máximo 26 por sala.

Esses números são definidos por lei, num documento que normatiza o funcionamento das creches. Quanto menos crianças e mais adultos supervisionando, melhor.

Prefira ambientes descontraídos e estimulantes

Criança gosta de brincar, de espalhar os brinquedos pelo chão, de usar a imaginação e a criatividade. Um local que seja muito rigoroso e que não dê chance para criança se soltar não é o mais adequado.

Outra coisa que precisa ter total atenção dos pais é o chão. O ideal é que ele seja todo emborrachado ou com algum tipo de carpete macio. Crianças costumam cair, e, quando o chão é muito duro, elas se machucam com facilidade.

Leve a segurança em conta

Um ponto fundamental quando o assunto é como escolher a creche é a questão da segurança. O parquinho é adequado? Tem manutenção? A piscina tem grade com cadeado? Tem segurança? Porteiro na entrada e na saída? Tenha a certeza de que, se deixar o seu filho nesse lugar, ele estará sempre seguro. Se puder, passe os 2 ou 3 primeiros dias com ele, até que ele se adapte e você se sinta confiante em deixá-lo lá.

Que outras coisas você olharia na hora de fazer a escolha da creche? Conte para a gente nos comentários!

Deixe um Comentário