was successfully added to your cart.

Quais as principais etapas do processo de aprendizagem? Saiba mais

etapas do processo de aprendizagem

Durante seu crescimento, as crianças aprendem mil coisas diferentes. Por isso, as mamães e papais devem sempre observar como elas reagem diante de situações diversas, especialmente aquelas que são novidade. Essas reações, por sua vez, determinam as interações e o desenvolvimento de um pequeno em uma variedade imensa de ambientes.

Cada nova experiência faz parte de uma das quatro etapas do processo de aprendizagem. Esse é um conceito muito antigo, cujas definições foram elaboradas pelo psicólogo francês Jean Piaget, em 1952. Pode até parecer um tanto quanto complexo, mas as observações desse estudioso fundamentaram a maior pesquisa sobre desenvolvimento cognitivo do mundo, bastante influente nos dias atuais.

Quer aprender um pouquinho mais sobre ela e descobrir o que envolve cada etapa mencionada? Então é hora de ler este artigo e tirar suas dúvidas a respeito do tema!

O que é a teoria de Piaget?

Piaget tinha convicção de que as crianças assumem papel ativo em cada uma das etapas do processo de aprendizagem. Em sua opinião, elas agem como pequenos cientistas, uma vez que cada experiência leva a observações diferentes que permitem novos aprendizados sobre o mundo em que vivem.

Na medida em que as crianças interagem com o que está a seu redor, elas ganham novos conhecimentos. Depois, com base naquilo que já conhecem, adaptam suas ideias anteriores em um processo de reorganização progressiva mental. Que, é claro, evolui conforme a criança cresce e entra em contato com novos ambientes.

Essa evolução intelectual, ainda segundo o psicólogo, pode acontecer por meio de dois modos diferentes.

Assimilação

Na assimilação, a criança já tem um esquema mental para lidar com determinado objeto ou situação. Por exemplo, o pequeno que vê uma maçã, mas que até então só conhecia uma laranja. Por serem frutas de formato parecido, a princípio, ele pode concluir que a maçã também é uma laranja.

Acomodação

A acomodação acontece quando a criança não assimila a informação de imediato em um esquema já existente. Sendo assim, ela precisa fazer uma alteração ou desenvolver um novo sistema. Por exemplo, a partir da explicação da mãe de que aquela é uma maçã e não uma laranja, a criança descobre a existência de outras frutas e suas diferenças, reorganizando suas definições.

Todos os esquemas de uma criança explicam suas percepções acerca de seus arredores. É esse equilíbrio ao encaixar esquemas que impulsionam todo o processo de aprendizagem, como veremos a seguir.

De acordo com a teoria, quais são as etapas do processo de aprendizagem?

A teoria de Piaget também determina quatro etapas do processo de aprendizagem. Elas se tratam não apenas da maneira como as crianças adquirem conhecimento, mas também de como a inteligência se desenvolve naturalmente. Aqui estão elas!

Fase sensório-motora

De 0 a 2 anos, as crianças começam a descobrir sensações e movimentos. É nesse momento que a coordenação motora se desenvolve e o bebê começa a imitar tudo o que vê. A linguagem também é trabalhada por meio de choro, gritos e palavras curtas.

Durante essa fase, o bebê também entende que seus movimentos são ações e começa a provocá-las ao puxar lençóis ou jogar brinquedos. Para os nenéns dessa idade, só existe aquilo que eles podem ver, tocar ou sentir.

Pré-operatório

Entre 2 e 7 anos, Piaget sugere a etapa do egocentrismo. Ainda que as crianças já tenham um convívio com familiares e até mesmo crianças da creche ou da escola, elas ainda estão muito focadas em experiências individuais.

Por esse motivo, é bom não se assustar caso atitudes egoístas comecem a fazer parte do dia a dia. Isso significa brincar sozinho, não compartilhar e dizer “é meu” para qualquer brinquedo ou objeto. Essa também é a fase dos porquês, onde questionamentos estarão sempre presentes durante qualquer atividade, e da função simbólica, em que uma vassoura pode ser um cavalinho, por exemplo.

Operacional concreto

Dos 8 aos 12 anos, o estágio operacional concreto entra em ação. A criança já é capaz de usar a lógica para solucionar seus problemas, desde que eles sejam concretos e entra no estágio inicial da adolescência. Por exemplo, questões de matemática ou dúvidas relacionadas a objetos físicos. O abstrato ainda causa certo estranhamento.

Nesse período, a criança também entende melhor a necessidade de seguir regras sociais. Então, seu senso de empatia cresce, assim como o de justiça e a reciprocidade. A fase do egoísmo se encerra e ela se mostra mais propensa a criar laços e se aproximar de outras pessoas.

Operacional formal

De 12 anos em diante, toda a aquisição de raciocínio lógico está completa. Então, o pré-adolescente já tem autonomia suficiente para lidar com questões concretas e abstratas. Com isso, criam situações hipotéticas, desenvolvem possibilidades e também teorias, ainda que não tenham a vivência da situação em questão.

É interessante mencionar que, para Piaget, todo esse desenvolvimento de aprendizado pode ser enriquecido por estímulos e por um ambiente adequado para crianças. Somente assim, o crescimento delas acontece de forma ampla, tanto no âmbito social quanto no emocional e no físico.

Por que é importante entender o comportamento da criança ao longo de cada fase?

Como é possível perceber, embora tenha mais de meio século, a teoria de Piaget se mantém muito prática até hoje. É muito importante entender o comportamento da criança ao longo de cada fase para observar seu método de raciocínio.

Afinal, de nada adianta aprender algo se não existe um processo que gera reflexão. A intenção do estudioso ao desenvolver nessa teoria é justamente essa: ajudar pais e educadores a incentivar pensamentos coerentes, críticos e criativos em seus filhos durante toda a infância.

Para, a partir disso, ajudá-los a se tornarem adultos inteligentes, íntegros e éticos. Sendo assim, não deixe de acompanhar o crescimento de seu filho por meio das etapas do processo de aprendizagem e ter uma percepção aguçada sobre suas reações. Tudo isso será de grande auxílio, inclusive, para que você entenda essa pequena personalidade que estará sempre ao seu lado em todos os momentos.

Gostou de aprender um pouco mais sobre a teoria de Piaget? Aproveite para se aprofundar ainda mais no tema e entenda como ajudar os filhos com transtornos e dificuldades de aprendizagem.

Um comentário

Deixe um Comentário