Bolsinhas, Sacos, Estojos e Organizadores com 20% off! Até 23/06. Use o cupom amo20

Meu filho não se enturma com as outras crianças

Se você é pai ou mãe, é natural que queira ver seu filho se divertindo, brincando e interagindo com outras crianças. No entanto, às vezes nos deparamos com a situação em que nosso filho parece não se enturmar tão bem quanto gostaríamos. Isso pode gerar preocupações e questionamentos sobre o que podemos fazer para ajudá-lo a se sentir mais incluído e confiante em situações sociais. É sobre isso que falaremos no conteúdo de hoje. Ler notícia

Porque é importante ensinar seu filho a esperar 

A paciência é uma virtude que muitos de nós ainda estamos tentando aperfeiçoar, não é mesmo? No entanto, ensinar isso para as crianças desde cedo pode facilitar o processo para elas, sendo fundamental para seu pleno desenvolvimento emocional e social. Afinal, nossos filhos estão inseridos em um mundo onde a gratificação instantânea se tornou quase uma norma e aprender a esperar pode ser bem desafiador para eles. Mas, os benefícios são muitos e é sobre isso que falaremos no conteúdo de hoje.

Criança precisa de rotina nas férias?

As férias escolares suscitam frequentemente a dúvida: crianças precisam de rotina durante esse período? Muitos pais questionam se mantê-la é benéfico ou se as férias revelam um momento de total liberdade para as crianças. Neste artigo, exploraremos os prós e contras, destacando a importância do equilíbrio entre descanso e uma rotina minimamente estruturada para o bom desenvolvimento infantil.

Rubicão: a crise dos 9 anos

A infância é uma fase cheia de transformações e descobertas, e cada etapa desse processo traz consigo desafios tanto para as crianças quanto para seus pais, cuidadores e educadores. Entre esses desafios, a crise dos 9 anos ganha destaque por ser um período marcado por mudanças expressivas no desenvolvimento emocional, comportamental e cognitivo das crianças. Essa crise, também conhecida como "Rubicão", se refere a um tempo em que as crianças começam a questionar sua identidade, buscam maior autonomia e independência, passando a resistir um pouco à autoridade dos mais velhos e aos limites que recebem. O termo "Rubicão" tem origem na história romana e remete ao rio (de mesmo nome) que Júlio César cruzou em 49 a.C. em uma atitude interpretada como arriscada, marcando o início de sua campanha militar contra o Senado Romano. Mas, na psicologia infantil, o termo foi adotado para descrever o período de transição que ocorre por volta dos 9 anos, quando as crianças cruzam uma espécie de "rio" simbólico em direção à pré-adolescência. Quer saber mais? Acompanhe a leitura até o final.

Benefícios doTummy Time para o desenvolvimento do bebê

O "Tummy Time" (tempo de barriga) emerge como uma prática focada no desenvolvimento motor do bebê, indo além da simples genética e incorporando a interação da criança com o ambiente. Estudos indicam que os bebês que praticam regularmente o Tummy Time têm uma tendência de atingir marcos motores mais rapidamente. E isso não apenas facilita o desenvolvimento físico, mas também tem implicações emocionais e sociais. Afinal, o senso de conquista obtido durante o Tummy Time alimenta a confiança do bebê, criando uma estrutura importante para suas futuras explorações e interações. No conteúdo de hoje vamos conhecer mais sobre os benefícios dessa técnica, reconhecendo que o crescimento infantil está intrinsecamente ligado às suas experiências vivenciadas.

Que tipo de inteligência o seu filho possui

O conceito de inteligência transcendeu décadas de pesquisa, ganhando novas nuances ao longo do tempo. Howard Gardner, pioneiro na área, desafiou a visão convencional, introduzindo a ideia de múltiplos tipos de inteligência. Entender essas distintas formas de brilhantismo mental pode orientar pais e educadores, permitindo estratégias de aprendizado mais eficazes. Vamos adentrar nesse assunto e saber mais no conteúdo de hoje.

Entenda o papel do objeto de transição na vida da criança

Os objetos de transição infantil, também conhecidos como objetos de apego ou objetos de consolo, desempenham um papel significativo no desenvolvimento emocional das crianças.  Esses itens, que podem variar desde uma simples fralda ou manta até um brinquedo querido e carinhosamente escolhido, atuam como uma ponte emocional, proporcionando conforto, segurança e estabilidade emocional à criança.  Ao longo da infância, esses objetos especiais acompanham os pequenos em momentos de mudança, adaptação, ansiedade de separação e enfrentamento de desafios. Neste artigo, exploraremos a relevância desses itens de transição, analisando como eles estabelecem um vínculo afetivo com a criança.

Uso da chupeta: perguntas e respostas sobre um tema que divide opiniões

O uso da chupeta é uma prática comum na maternidade, mas também é alvo de debates acalorados entre pais, especialistas e profissionais da saúde. Neste artigo, exploraremos algumas questões sobre o tema, com informações esclarecedoras para auxiliar os responsáveis na tomada de decisões conscientes. Questionaremos, por exemplo, o impacto na fala e na saúde bucal, bem como suas implicações emocionais. Além disso, falaremos sobre estratégias para o desmame da chupeta e alternativas ao objeto para acalmar o bebê. Vamos juntos?

Como identificar a sucção não nutritiva

A sucção não nutritiva é um comportamento natural e instintivo presente em crianças de diferentes faixas etárias. Basicamente, ela ocorre quando a criança suga o dedo, chupeta ou outros objetos sem a intenção de obter alimento, o seu desejo é apenas a sucção.   Essa prática é comum entre os recém-nascidos e pode ser observada desde o período intrauterino, tendo como principal objetivo proporcionar conforto e segurança para o bebê.   Neste artigo, vamos explorar como identificar as situações em que a sucção não nutritiva se apresenta, descobrindo se existem benefícios ou prejuízos para as crianças, e compreendendo como lidar com ela. 

Como ajudar uma criança tímida

Se você percebe que seu filho não consegue conversar, fica se escondendo pelos cantos ou demonstra muito desconforto quando alguém fala com ele, pode se tratar de uma criança tímida. Existem pessoas tímidas em diferentes níveis e podemos dizer que isso é natural. No entanto, se for uma criança e esse traço de personalidade for intenso, ela terá muita dificuldade em interagir e conviver com outras pessoas - sejam elas da mesma idade ou não. Contudo, existem maneiras de lidar com o assunto para auxiliar os pequenos. É sobre isso que falaremos hoje.

Como Lidar com a Geração Alpha?

A geração Alpha é aquela que compreende crianças nascidas a partir do ano de 2010 e atualmente – 2022 – estão na faixa etária entre 9 e 10 anos. Ela sucede a geração Z, composta por meninos e meninas que hoje são adolescentes, pois nasceram entre os anos de 1997 e 2009. Segundo um artigo publicado pela Sociedade Brasileira de Pediatria, aqueles que compõem a geração Alpha são considerados hiper conectados e demonstram muitas habilidades com tecnologia.

Puberdade precoce em meninas e meninos

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Pediatria -SBP -a puberdade precoce é aquela que começa à dar sinais por volta dos 8 anos ou antes disso. É mais comum acometer as meninas, mas os meninos também podem passar por isso. Os principais sintomas são o crescimento das mamas ou dos testículos, o surgimento de pelos pubianos, a primeira menstruação, acne e odores. Contudo, o importante é buscar informações para saber exatamente como lidar com a situação e como ajudar os filhos caso isso aconteça.
Loading